Reprodução das Cadelas

Assessoria de Imprensa

O Cio

A ocorrência do primeiro cio das cadelas varia de acordo com a raça, com a individualidade de cada fêmea e até com o clima da região onde a fêmea vive; podendo ocorrer dos 6 meses até os 18 meses de idade. Na grande maioria das vezes ocorre entre os 8 e 12 meses.

O cio da cadela dura de 15 a 20 dias e é acompanhado pelo inchaço da vulva e secreção vaginal sanguinolenta. Algumas cadelas apresentam secreção mais abundante e outras apresentam uma secreção mais discreta, sendo possível que o cio não seja tão evidente.

O melhor período do cio para a fêmea acasalar também é um pouco variável, sendo, geralmente, do 8° ao 15° dia para as raças de pequeno porte e do 11° ao 15° dia para as raças de grande porte. Este período é caracterizado por uma redução considerável no sangramento e as fêmeas tornam-se mais receptivas aos machos. Na maioria das vezes, um acasalamento apenas é o suficiente para que a fêmea engravide, mas pode-se acasalar por duas ou três vezes, uma vez ao dia.

Não é aconselhável cruzar a cadela nos dois primeiros cios, pois apesar de apta a engravidar, seu organismo ainda não atingiu a maturidade para que ela seja uma boa mãe. Também não é aconselhável cruzá-la seguidamente, devendo-se deixar pelo menos um cio de descanso entre um acasalamento e outro. Isto garantirá a saúde da cadela e a obtenção de uma ninhada sempre saudável. Após os cinco anos de idade a gestação da cadela começa a ser mais delicada, sendo desaconselhado que ela tenha sua primeira ninhada com mais de quatro anos de idade.

A gestação:

A confirmação da gravidez pode ser feita a partir do trigésimo dia, através de exame de palpação realizado por um médico veterinário.

O tempo de gestação da cadela é de 58 a 63 dias. Nesta fase, ela deverá levar uma vida normal, respeitando-se os momentos de repouso que ela mesma estabelecerá com o decorrer da gestação. No terço final da gestação a cadela diminui bastante o seu ritmo, mas caminhadas curtas diariamente farão bem para ela.

De modo geral a cadela poderá tomar banhos durante a gestação, devendo-se evitá-los apenas nos últimos dez ou quinze dias antes da data prevista para o parto. Nas raças de pêlos longos, aconselha-se fazer uma tosa higiênica uns cinco dias antes do parto para auxiliar na limpeza da cadela, que se suja bastante durante o mesmo.

A alimentação da cadela deve ser diferenciada, com a introdução de uma ração própria para filhotes durante a gestação e o período de amamentação.

A cadela deve ser vermifugada antes do acasalamento ou 10 dias antes da data prevista para o parto.

Os machos atingem a maturidade sexual entre os seis e oito meses de idade, estando aptos para acasalar com um ano ou um ano e meio de idade.


Leia Também

Chove chuva
Enriquecimento Ambiental: seu Cão sem Monotonia
Pés e Patas na Estrada
Como Atenuar os Efeitos dos Fogos de Artifício