Reprodução dos Felinos

Assessoria de Imprensa

 

 

 

REPRODUÇÃO DOS FELINOS

                A reprodução dos felinos é muito diferente da reprodução dos cães. Existe uma grande variação para o início e a frequência do cio das fêmeas, que não obedece a uma periodicidade como ocorre com as cadelas.

O cio

                O primeiro cio pode ocorrer entre 4 e 10 meses de idade e a partir daí ocorre quando houver aumento das horas de luz do dia, portanto na primavera e verão, com frequência variável. A duração média do cio é de 7 dias, mas pode variar entre 1 e 21 dias. A ovulação da gata depende da presença de um macho e da ocorrência do cruzamento, ocorrendo de 23 a 30 horas depois. Se não ocorrer cruzamento, a gata voltará a entrar no cio após 2 a 19 dias.

                Não é aconselhável cruzar a gata antes do terceiro cio, pois apesar de apta a engravidar, seu organismo ainda não atingiu a maturidade para que ela seja uma boa mãe.

 

Gestação:

                 O número de filhotes por ninhada é geralmente 3 ou 4, mas pode variar de acordo com a raça.

                 A confirmação da gravidez pode ser feita a partir do trigésimo dia, através do exame de palpação realizado por um médico veterinário.

                 O tempo de gestação da gata é de aproximadamente 60 a 64 dias. Nesta fase, ela deverá levar uma vida normal, respeitando-se os momentos de repouso que ela mesma estabelecerá com o decorrer da gestação.

                 Quando estiver chegando o dia do parto é aconselhado fazer uma tosa higiênica aparando os pelos da barriga e em volta da cauda e da vulva. Isso auxiliará a gata a se limpar e os gatinhos a amamentarem.

                 A alimentação da gata gestante deve ser diferenciada, com a introdução de uma ração própria para filhotes, pelo menos durante a gestação e o período de amamentação.

                 No caso de a gata não estar sendo vermifugada regularmente, é aconselhável vermifugá-la por volta do 50° dia de gestação.

                 Alguns proprietários preferem castrar seus animais, para isso deve haver uma orientação de um médico veterinário de confiança. As fêmeas podem ser castradas após o primeiro cio ou até mesmo antes de terem o primeiro cio e os machos são castrados por volta de sete a oito meses.

 

 


Leia Também

Chove chuva
Pés e Patas na Estrada
Como Atenuar os Efeitos dos Fogos de Artifício
Cuidados no Verão