Animal ativo

Bovinos

Supokill

Supokill

Carrapaticida seletivo no controle de carrapatos de bovinos e equinos. Elimina tanto as larvas como impossibilita a postura de ovos férteis.

Indicação:

Bovinos
bovinos
Equinos
equinos

Bula

Supokill 

 

FÓRMULA: 


Cada 100 mL contém:

Supona (2 cloro-1-(2,4 diclorofenil) vinil dietil  fosfato) 50 g
Veículo q.s.p  100 mL


INDICAÇÕES:


No controle de carrapatos dos bovinos e equídeos utilizados para pratica de lazer ou esporte.


POSOLOGIA E MODO DE USAR:


  • PULVERIZAÇÕES: Preparar uma solução à 0,05%, ou seja,1 mL para cada litro de água. Pulverizar o animal tomando cuidado para que o jato penetre bem debaixo dos pêlos. Assegure-se de que todas as partes do animal sejam bem molhadas, inclusive as axilas, a cauda e o interior das orelhas. O intervalo entre as pulverizações deve ser de 25 a 30 dias.

 

PRECAUÇÕES:


  • Não tratar os animais durante as horas de calor intenso ou chuva.
  • Não tratar animais com menos de 3 meses de idade.
  • Não usar em felinos e nem em cães.
  • Conservar em local seco e fresco, ao abrigo da luz solar e fora do alcance de crianças e animais domésticos.
  • Lavar com água e sabão as partes do corpo que entrarem em contato com o produto puro ou diluido.
  • Durante a pulverização, o operador deve evitar o contato com o líquido pulverizado, e terminada a pulverização, deve tomar banho e trocar de  roupa.
  • Lave por 3 (três) vezes os equipamentos e embalagens vazias e nunca despeje nos rios, outra fonte ou armazenamento de água.
  • Não use a embalagem vazia.
  • Não guarde ou aplique perto de alimentos, bebidas, medicamentos, produtos de higiene e domésticos.

 

 ATENÇÃO: OBEDECER AOS SEGUINTES PERÍODOS DE CARÊNCIA
 BOVINOS:
  • ABATE: O ABATE DOS ANIMAIS TRATADOS SOMENTE DEVE  SER REALIZADO 7 DIAS APÓS A ULTIMA APLICAÇÃO.
  • LEITE: O LEITE DOS ANIMAIS TRATADOS COM ESTE PRODUTO NÃO DEVE SER DESTINADO AO CONSUMO HUMANO ATÉ 12 HORAS APÓS A ULTIMA 

A UTILIZAÇÃO DO PRODUTO EM CONDIÇÕES DIFERENTES DAS  INDICADAS NESTA BULA PODE CAUSAR A PRESENÇA DE RESÍDUOS DO PRODUTO ACIMA DOS LIMITES APROVADOS, TORNANDO O ALIMENTO DE ORIGEM ANIMAL IMPRÓPRIO PARA O CONSUMO.


Para  animais: Aplicar imediatamente sulfato de atropina a 1%, por via subcutânea, na dose de 3 a 10 mL, dependendo do tamanho do animal.
Para homens: chamar imediatamente um médico. Até que o socorro médico possa ser prestado, administrar ao paciente 0,3 mL de sulfato de atropina a 1% ou 3 a 10 mL da solução a 0,1% por via subcutânea.

 

APRESENTAÇÃO:


Frascos de 20, 100 mL e 1 L.

 

Venda sob prescrição do Médico Veterinário.
Licenciado no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento
sob o nº 151  em 11/07/1972

Resp. Téc.  Méd. Vet.: Dra. Thaís Marino Silva Girio :

CRMV/SP 17.469